Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos das Mulheres luta pela implantação da Patrulha Maria da Penha

A Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos das Mulheres iniciou a semana solicitando a implantação da Patrulha Maria da Penha, que é uma lei já sancionada em Parnamirim. A Frente, composta pelas vereadoras Carol Pires, Rhalessa de Clênio e  Fativan Alves, que a preside, cumpriu agenda de visitas nestas segunda-feira (15) e terça-feira (16), no intuito de organizar a guarda que vai proteger as parnamirinenses.

“Essa patrulha é um instrumento de extrema importância, pois vai aumentar a proteção das mulheres que estão em medida protetiva. É uma forma de assegurar ainda mais segurança para nossas cidadãs ”, afirma Fativan Alves. A patrulha vai dispor de 15 guardas, que juntos vão atuar na proteção, monitoramento e acompanhamento dos casos de violência contra a mulher, de modo a reduzir a incidência dessas agressões.

Nesta segunda-feira, Fativan Alves e Rhalessa de Clênio se reuniram com a secretária municipal de segurança de Natal, Sheila Freitas, que orientou a implantação da patrulha, propondo e incentivando um treinamento para a guarda que nela atua. A reunião também contou com a presença da professora Udymar Pessoa.

Na terça-feira, as três parlamentares se reuniram com o secretário da SESDEM, Marcondes Rodrigues. A reunião teve o objetivo de discutir a implantação da patrulha Maria da Penha no município. Este momento alinhou os objetivos da Frente e nele foi organizado o treinamento para os profissionais de segurança.

“Os próximos passos são fazer o treinamento de qualificação de 40h e continuar lutando sempre pela segurança de todas as mulheres”, declara Fativan.

Fonte: Fernando Azevêdo – Ascom/CMP

Jornal de Parnamirim

Notícia anterior

Prefeitura e Instituto Coca Cola Brasil disponibilizam vagas para jovens em busca de oportunidades de emprego

Próxima notícia

Vereador Irani Guedes ressalta importância do Programa Residência Médica em Parnamirim

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *