KELPS VAI CONVOCAR DIRETOR DA CAERN A EXPLICAR DENÚNCIA DE ATRASO EM COMISSÃO

O deputado estadual Kelps Lima (SDD) anunciou, na sessão ordinária desta terça-feira (12), que vai convocar o diretor-presidente da Caern, Roberto Linhares, para prestar esclarecimentos à Comissão de Administração, Serviço Público e Trabalho, presidida por ele na Assembleia Legislativa. O deputado se referiu às declarações do executivo, em entrevista a uma emissora de rádio de Natal, afirmando que a Comissão estaria atrasando a realização de obras do Estado.

 

“Vou convocar o secretário para ele esclarecer qual o atraso e para ele explicar o que falou na entrevista”, disse Kelps, justificando que o projeto, já aprovado na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), e que autoriza a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte a realizar o pagamento de contrapartidas de convênios celebrados entre a União e o Estado, não está parado e já foi distribuído na Comissão de Administração.

 

Em aparte, o deputado Tomba Farias (PSDB) reiterou a declaração de Kelps, e disse que, inclusive, relatou o projeto em substituição ao deputado Galeno Torquato (PSD) que estava viajando, e a quem cabia a relatoria. “O diretor da Caern disse que o projeto não andou por interesses políticos”, disse Kelps, afirmando que o gestor da Companhia faltava com a verdade.

 

O deputado Coronel Azevedo (PTC) também aparteou o parlamentar e ressaltou a condução do presidente da Comissão de Administração no caso de projetos de interesse do Governo do Estado. “Vou pedir para notificar o presidente ainda hoje”, disse Kelps Lima, que encerrou o discurso afirmando que nunca abriu mão de discutir projetos do Governo, e já atendeu, inclusive, a um pedido da própria governadora Fátima Bezerra (PT).

Jornal de Parnamirim

Notícia anterior

CORONEL AZEVEDO CRITICA MUDANÇA NA JURISPRUDÊNCIA PARA PRISÃO EM 2ª INSTÂNCIA

Próxima notícia

Prefeito debate fortalecimento do turismo com gestor de cidade gaúcha

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *