Parnamirim adere ao cadastro virtual de condomínios para vacinação de idosos

O sistema de cadastramento de condomínios para imunização de idosos já está disponível aos moradores de Parnamirim. Para efetuar o cadastro, os síndicos ou administradores deverão criar sua senha de acesso para que em seguida possam cadastrar todos os residenciais sobre sua responsabilidade.

Para esta modalidade de atendimento é necessário que os condomínios tenham no mínimo cinco moradores acima de 75 anos e possuam CNPJ. Os condomínios localizados no município poderão fazer o cadastramento para vacinação de idosos através do link https://vacinaidosos.lais.ufrn.br/.

A adesão de Parnamirim ao cadastramento virtual se deve à crescente demanda percebida pela Secretaria Municipal de Saúde, que vem fazendo esse atendimento por telefone. “Com o a plataforma haverá uma maior agilidade tanto no cadastro como no planejamento e acompanhamento de todo o processo de vacinação”, explica os pesquisador do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde – LAIS/UFRN –  Pablo Holanda.

O objetivo desta ação conjunta é dar suporte ao planejamento do plano de vacinação dos idosos contra a covid-19, para que as equipes de saúde do município possam realizar o processo de vacinação da maneira mais eficiente e equânime possível nos condomínios cadastrados. “Desta forma, estamos minimizando a circulação de pessoas idosas, que ficaram em isolamento por muito tempo, e estão mais suscetíveis ao vírus. Além disso, esses idosos não estão em áreas cobertas pelo Programa de Saúde da Família”, explicou o coordenador do Instituto Envelhecer, da UFRN, Kênio Lima, reforçando a importância do processo.

A secretária Municipal de Saúde de Parnamirim, Terezinha Rego, destacou a parceria com o LAIS/UFRN como forma de potenciar o planejamento e a execução de um momento tão importante como o da vacinação contra a Covid-19. “Essa parceria é mais uma ferramenta que colocamos a disposição da população, em especial aos idosos que moram em condomínios, para otimizar o processo de vacinação deste grupo prioritário. A expertise do LAIS nos dá a garantia de que o processo será feito de forma eficiente e transparente”, ressaltou a secretária Terezinha Rego.

A ação acontece dentro de uma parceria do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS/UFRN), Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim, além do Departamentos de Enfermagem, Saúde Coletiva, Núcleo de Estudos em Saúde Coletiva (NESC), Programa de Pós-Graduação em Enfermagem e o Instituto do Envelhecer, todos da UFRN.

 

Jornal de Parnamirim

Notícia anterior

MENSAGEM DA GOVERNADORA MARCA ABERTURA DO ANO LEGISLATIVO NA ASSEMBLEIA DO RN

Próxima notícia

Prefeitura realiza serviços de manutenção viária em Rosa dos Ventos

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *