SANDRO PIMENTEL CRITICA GOVERNO POR TER VETADO EMENDA DE SUA AUTORIA

O deputado Sandro Pimentel (PSOL) comentou, na sessão ordinária desta terça-feira (19), na Assembleia Legislativa, a sanção, pela governadora Fátima Bezerra (PT), da lei que reestrutura o plano de carreira de praças e oficiais de policiais militares e Corpo de Bombeiros. A lei aprovada pela Assembleia e sancionada pelo Executivo, reajusta os salários dos PMs e bombeiros em 23% escalonados em três anos, e faz alteração no regime de promoções. Apesar de enaltecer o fato, Pimentel criticou o veto do Governo a uma emenda de sua autoria.

“É uma crítica até certo ponto contundente”, disse Sandro, explicando que sua emenda corrigia uma distorção na patente de Tenentes. “A patente de Tenentes é dividida em duas: primeiro e segundo Tenentes”, disse Sandro, ressaltando que nesse caso as promoções não se darão após 8 anos, como no plano de carreiras, mas 16 anos. “Me assustou a governadora Fátima Bezerra vetar”, disse o parlamentar.

O deputado Sandro Pimentel criticou o Governo do Estado e disse que a atual gestão só se preocupa com quem está no alto comando. “Em vez de ouvir o piso do oficialato, a governadora foi ouvir a cúpula”, justificando que dessa forma foi autorizado reajuste aos procuradores do Estado. “Essa é uma postura de direita, a mesma postura que teve Bolsonaro, que teve Robinson Faria, que teve Fernando Henrique Cardoso”, disse Sandro, acusando a governadora de ter vetado sua emenda sem sequer ter falado com ele. “Ela não tem essa obrigação, mas é respeito”, disse o deputado.

Sandro Pimentel lembrou ainda que da mesma forma a governadora vetou outra emenda de sua autoria, que combatia o assédio moral no serviço público. “Não tenho cargo no governo, não fiz indicação, não quero cargo, mas preciso de atenção e de respeito”, desabafou o deputado, que foi aparteado pelo deputado Vivaldo Costa (PSD). Em seu aparte Vivaldo disse que não tem procuração para defender a governadora, mas lembrou que Fátima Bezerra sempre tratou Sandro Pimentel “com a maior estima e carinho”, justificando que os dois tem histórias parecidas.

Jornal de Parnamirim

Notícia anterior

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA APROVA PROJETO SOBRE “PROVÃO RN”

Próxima notícia

Consórcio Nordeste e França assinam carta de cooperação na área ambiental

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *